.

.

.

.

sábado, 8 de abril de 2017

Elenco do TEA que participou do FRINGE retorna com pleno êxito

Foto do Grupo em Curitiba
O Festival de Curitiba se encerra neste domingo e mais uma vez artistas de Caruaru engrandecem o nome da cidade através da arte executada da forma mais digna.
Foram três apresentações no Festival em lugares diferentes onde o público riu, se emocionou e ao final aplaudiram o espetáculo eleito no ano passado como Melhor Espetáculo do Ano (pelo Festival Nacional de Teatro do RJ, em Duque de Caxias).

Para Rosberg Alexander que interpreta o Padre e o Ambrósio, foi "uma experiência incrível para todos nós estar aqui no FRINGE. A troca de informações entre os artistas na rua, conversamos sobre nossa vivência com a arte em nossa cidade e eles falam também sobre suas atividades em seus municípios. Evoluímos muito enquanto artista e ser humano."
Já a Mandy Freire que atua como Mulher do Padeiro, falou ao nosso blogue sobre o dinamismo da programação: "A gente chegou aqui em Curitiba e tudo foi muito rápido. Desde a própria hospedagem já há uma dinâmica de partilhar muito intensa, pois são muitas pessoas movimentando a arte na cidade, são espetáculos acontecendo em vários momentos do dia, e o fato deles repetirem um espetáculo em horários ou dias diferentes dá a oportunidade de a gente também poder assistir. A experiência de poder viver tudo isso é algo inesquecível."
O grupo já está retornando a terra de Vitalino. A sua última apresentação foi no sábado no final da manhã, na praça Santos Andrade.

O site da capital do Paraná "Em Cartaz" conversou com Arary Marrocos sobre a experiencia de apresentar um espetáculo na rua. Confira abaixo:



Nenhum comentário:

Postar um comentário